CASA DA MEMÓRIA E SECRETARIA DE AGRICULTURA REALIZAM PARCERIA

CASA DA MEMÓRIA E SECRETARIA DE AGRICULTURA REALIZAM PARCERIA PARA DIGITALIZAÇÃO DO CONTROLE DAS NOTAS FISCAIS DE PRODUTORES RURAIS

A secretaria de Agricultura e Meio Ambiente possui convênio com a Secretaria do Estado da Fazenda onde o setor de cadastro de produtor primário (capturador pesqueiro, produtor rural) é responsável em atualizar cadastros, notas fiscais e documentos.

Tais documentos ficam arquivados de forma permanente pois possuem valor histórico, probatório e informativo para fins de comprovação de atividade agrícola para produtores rurais e familiares (filhos), os quais encontravam-se em processo de degradação. Desta forma, uma parceria da Secretaria de Agricultura com a Fundação Cultural de São Carlos possibilitou a correta preservação em caráter definitivo.

O Trabalho de higienização e digitalização destes documentos foi feito pelos funcionários da Casa da Memória e estagiários. As atividades foram coordenadas pela gestora de acervo Emilia Royer Ruppenthal. Ao todo foram higienizadas e digitalizadas mais de 4030 fichas de produtores rurais. A higienização mecânica trata da eliminação de todas as sujidades que se encontram nos documentos e dos agentes considerados agressores, como, por exemplo, grampos de metal, poeira e todos os elementos que danificam a estrutura física dos documentos. Em seguida, foi feita a aplicação de pó de borracha e posteriormente a digitalização. Por fim, foi feito o correto acondicionamento das fichas físicas e o arquivamento em formato digital. Vale destacar que o material físico ainda se encontra guardado na Secretaria de Agricultura.

Para a gestora de acervo “o trabalho foi bastante desafiador pois era uma demanda documental bastante grande e foi preciso conciliar com as atividades já em andamento pela Casa da Memória. O trabalho de higienização e digitalização requer muito cuidado e, por se tratar de documentos antigos, foi necessário muito zelo e engajamento de toda a equipe para concluir com êxito essa demanda. Felizmente conseguimos realizar o trabalho com excelência e dentro do prazo acordado. Ficamos felizes em auxiliar a Secretaria de Agricultura no processo de salvaguarda das fichas, bem como facilitando o manuseio e acesso aos documentos em formato digital.”

Desta forma a administração pública municipal garante o acesso a publicidade e informação, conforme a lei nº 12.527/2012. Além de dar eficiência aos processos de localização das fichas de cadastro, hoje estando todas digitalizadas, ficou mais fácil a pesquisa onde a Secretaria de Agricultura consegue atender de forma mais ágil aos produtores rurais. As fichas que antes demoravam cerca de 1 hora ou mais para serem localizadas de forma manual, hoje conseguem ser emitidas em menos de 3 minutos, pois o formato digital possibilita uma pesquisa mais rápida e de melhor organização.

Essa é mais uma ação da Administração Pública para beneficiar a população São-carlense através dos trabalhos prestados pelo seus colaboradores.